Pesquisa personalizada

O principal objetivo desse blog é oferecer dicas, notícias e informações sobre temas relacionados a sua saúde e bem-estar.

CULTIVE SUA SAÚDE ESPIRITUAL:

sábado, 25 de julho de 2009

Gripe A

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), a gripe suína é causada pelo vírus influenza A (H1N1) que não havia circulado antes entre seres humanos. Não há informações de pessoas que foram infectadas pelo vírus ao ter contato com porcos ou outros animais, e não se sabe qual a localidade de origem do vírus.No dia 11 de junho, a OMS anunciou que a doença atingiu o nível de pandemia (epidemia generalizada). O termo tem relação apenas com a ampla distribuição geográfica do vírus, e não com a sua periculosidade. Veja abaixo as repostas a algumas das questões relacionadas ao surto:O que é a gripe suína?É uma doença respiratória causada pelo vírus influenza A, chamado de H1N1. Ele é diferente do H1N1 totalmente humano que circula nos últimos anos, por conter material genético dos vírus humanos, de aves e suínos, incluindo elementos de vírus suínos da Europa e da Ásia.A gripe tem cura?Tem tratamento.Como é transmitido o vírus?A doença é transmitida de pessoa para pessoa como a gripe comum e pode ser contraída pela exposição a gotículas infectadas expelidas por tosse ou espirros, e também por contato com mãos e superfícies contaminadas.Quais são os sintomas?Os sintomas em humanos são parecidos com os da gripe comum e incluem febre acima de 38°C, falta de apetite e tosse. Algumas pessoas com a gripe suína também relataram ter apresentado catarro, dor de garganta e náusea.Infecção de gripe suína é comum em humanos?No passado, os Centros de Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC) registraram 12 casos de infecção humana pelo vírus da gripe suína, todo em pessoas que tiveram contato com porcos. Nesses casos, não houve evidência de transmissão entre humanos.Pode-se contrair a doença comendo carne de porco?Não. Os vírus da gripe suína não são transmitidos pela comida. O governo mexicano e a OMS (Organização Mundial de Saúde) descartaram qualquer risco de infecção por ingestão de carne de porco. De acordo com o CDC, a temperatura de cozimento (71ºC) destrói os vírus e as bactérias.Como devo agir se estiver com os sintomas?Deve procurar os centros de atendimento médico e não deve se automedicar, pois o uso de medicamentos pode mascarar os sintomas e facilitar o agravamento do quadro. Procure sempre assistência do médico ou farmaceutico antes de consumir qualquer medicamento, mesmo aqueles de uso popular. Mais informações: http://www.saude.gov.br/Qual a diferença entre a gripe suína e a gripe comum?A gripe suína é caracterizada pelos sintomas da gripe comum, mas pode causar vômitos e diarreia mais graves. A gripe comum mata entre 250 mil e 500 mil pessoas a cada ano, principalmente entre a população mais velha. A maioria das pessoas morre de pneumonia, e a gripe pode matar por razões que ninguém entende. Também pode piorar infecções por bactérias.Como a infecção de humanos com gripe suína pode ser diagnosticada?Para diagnosticar a infecção, uma amostra respiratória precisa ser coletada nos quatro ou cinco primeiros dias da doença, quando a pessoa infectada espalha vírus, e examinadas em laboratório. Entretanto, algumas pessoas, principalmente crianças, podem espalhar o vírus por dez dias ou mais.Existe algum remédio eficaz contra a doença?Os antigripais Tamiflu e Relenza, já utilizados contra a gripe aviária, são eficazes contra o vírus H1N1, segundo testes laboratoriais e parecem ter dado resultado prático, de acordo com o CDC. É importante consultar um médico para verificar o tratamento adequado. Jamais consuma estes medicamentos sem prescrição médica.Trata-se de um novo tipo de gripe suína?Assim como no ser humano, os vírus da gripe sofrem mutação contínua no porco, um animal que possui, nas vias respiratórias, receptores sensíveis aos vírus da influenza suína, humana e aviária. Os porcos tornam-se incubadoras que favorecem o aparecimento de novos vírus gripais, através de combinações genéticas, em caso de contaminações simultâneas. Esses tipos de vírus híbridos podem provocar o aparecimento de um novo vírus da gripe, tão virulento como o da gripe aviária e tão transmissível como a gripe humana.Corro risco de viajar aos países atingidos?A OMS não recomenda restringir viagens por causa da pandemia de gripe suína. Segundo a organização, essa ação pode não ter efeito para impedir o vírus de continuar se espalhando, mas pode prejudicar bastante a comunidade global.Em junho, o Ministério da Saúde do Brasl recomendou que sejam adiadas as viagens para países com risco de contaminação pela gripe suína, entre eles a Argentina e o Chile.A Secretaria de Saúde de São Paulo ampliou a recomendação para evitar viagens também ao México, Estados Unidos e Canadá.No entanto, os que vão a locais afetados podem usar máscaras, lavar as mãos com água e sabão constantemente e evitar aglomerações, entre outros procedimentos.Como se previne estando nesses locais?Com máscaras, lavando sempre as mãos e evitando locais com muita gente entre outros.De um modo geral você pode se previnir do contágio evitando locais com aglomeração de pessoas e muito fechados, sem ventilação. Procure manter sempre as janelas abertas.Lavar as mãos com frequencia, principalmente depois de tocar em superfícies de objetos de uso comum, no seu nariz e na sua boca ou em outras pessoas.Qual o tempo de incubação?Em média varia de 24 horas a 3 dias. A mídia mexicana cita até duas semanas.Posso contrair o vírus de alguém que não apresente os sintomas?Sim. O Influenza pode ser transmitido por alguém até 24 horas antes de essa pessoa apresentar os sintomas.Quais os grupos mais suscetíveis?Pessoas com alguma doença crônica ou deficiência imunológica sempre estão mais sujeitas.
Gripe suína se espalha por 160 países e mata cerca de 800:
De acordo com a OMS, apesar da expansão do contágio, não há registro de variação do vírus.
A gripe suína já se disseminou por cerca de 160 países e matou aproximadamente 800 pessoas, mas seu comportamento não mudou, informou nesta sexta-feira (24) a Organização Mundial da Saúde (OMS).
"Até o momento não detectamos nenhuma alteração do vírus. O que observamos, no entanto, é uma expansão geográfica pelos países", disse o porta-voz da OMS Gregory Hartl em entrevista coletiva. VacinaHartl afirmou que a primeira vacina contra a doença, popularmente chamada de gripe suína, deve estar pronta nos próximos meses, início do outono no Hemisfério Norte. A OMS prometeu 150 milhões de doses de dois fabricantes para países em desenvolvimento e está negociando com outros produtores mais doses.BrasilA gripe já provocou 34 mortes no Brasil. Boletim do Ministério da Saúde divulgado na noite desta quinta-feira (23) indica 1.566 casos confirmados da doença. O Rio Grande do Sul é o campeão em óbitos, com 16 mortes confirmadas. São Paulo vem logo depois, com 12 mortes. Cinco das vítimas são do Rio de Janeiro e uma do Paraná.O Ministério da Saúde afirma ainda que foram notificados, desde abril, 8.328 casos suspeitos de algum tipo de gripe no país, com 19% dos casos com diagnóstico positivo para a influenza A (H1N1) e outros 6,34% (528 casos) com diagnóstico para a influenza sazonal.AulasOs governos dos Estados com vítimas se reunirão na semana que vem com o Ministério da Saúde. Na pauta, a discussão do possível adiamento do retorno às aulas nas redes pública e particular.

Assista o Documentário "A Carne é Fraca" Aqui:


Pesquisa personalizada